Profissão: Cinegrafista Subaquático

Para ser um bom cinegrafista de imagens subaquáticas é preciso dominar duas artes: fazer imagem e saber mergulhar. Hoje, há uma oferta grande de equipamentos para essa finalidade e cursos de mergulhos que duram poucos dias. Ainda assim, é necessário ter uma boa experiência nas duas áreas para extrair belas imagens debaixo d’água.

Uma dica valiosa é a familiaridade com o universo a ser registrado. Um bom mergulhador consegue antever situações de risco e o comportamento do mar, além de entender quais espécies permitem aproximação, quais são perigosas, etc. Já para imagens de surf, é preciso conhecer (e prever) como será a onda e como o surfista irá se comportar dentro dela. Cada segmento tem seu mercado e para ser um bom profissional na área é preciso estudar o esporte, as condições do mar e os equipamentos que permitem uma melhor autonomia embaixo d’água.

Alexandre Corrêa começou como repórter cinematográfico em 1992, na TV Mar, afiliada da extinta Rede Manchete. Em 1997, comprou uma caixa estanque Ikelite para sua câmera Hi8 e começou a gravar seus mergulhos, mas só a partir no ano 2000 o hobby virou profissão. A TV Globo organizou, naquele ano, a primeira prova de fast triathon. Sem pretensão, Alexandre ofereceu seus serviços à emissora. “Fui muito bem atendido pelo Hélio Fernandez, responsável pela UM, que entrou em contato com o Taunay, diretor de transmissão. Fizemos os testes, gostaram da qualidade e no dia seguinte já fiz o primeiro trabalho para a emissora“, conta Alexandre.

Ele explica que gravar na água exige maior concentração porque o mergulhador precisa estar atento à tudo, desde às condições do equipamento até fatores relacionados ao próprio mergulho, como tempo, profundidade, consumo de ar. Além disso, a movimentação causada pela água do mar dificulta a gravação. Estabilizar e enquadrar uma imagem nem sempre é fácil em condições tão adversas.

Por conta da dificuldade, do valor dos equipamentos e do conhecimento diferenciado, uma diária de gravação de imagens subaquáticas pode custar cinco vezes mais que o normal. Segundo Alexandre, esse valor depende de fatores como transmissão ao vivo, mar ou piscina, tipo de equipamento, entre outros

Precisa ter conhecimentos sobre:
Primeiro, um curso básico de mergulho e, em seguida, um curso de vídeo subaquático.

Mercado:
. Emissoras de televisão costumam contratar profissionais para transmissão de programas de esportes. Um exemplo recente é o reality Nas Ondas de Noronha, exibida no Globo Esporte.
. Produtoras de vídeos para gravação de documentários e programas de TV.
. Gravação sob demanda para nadadores, mergulhadores, vídeos de natação para bebês, etc.

Dica do profissional:
Com relação aos equipamentos, Alexandre alerta que o estanque deve ser sempre lavado com água doce e as borrachas de vedação devem ser lubrificados com graxa de silicone para evitar rachaduras e vazamentos

Pioneiros:
Jacques Cousteau
Peter Scoones
Lawrence Wahba

Para inspirar quem ainda não decidiu se vale a pena investir na profissão de cinegrafista subaquático, segue uma série de imagens produzidas pela BBC. Esse vídeo é um demonstrativo do banco de imagens da emissora inglesa.

Fotos: Arquivo pessoal

ARTIGOS RELACIONADOS:

Profissão: videorrepórter – Vídeo jornalista, videorrepórter ou VJ é uma carreira já consolidada no exterior e que, aos poucos, passa a ter mais espaço no Brasil. No fim dos anos 80, a profissão recebeu o nome de “repórter abelha”. Já no exterior, a moda agora é ser Solo VJ. O que dá no mesmo, já que o videorrepórter trabalha praticamente Continue lendo…

Bastidores – O dia em que o repórter pilotou um Boeing – Era para ser um dia qualquer na redação do SBT Repórter. Cada um na sua mesa, com suas ocupações e divagações. De repente, surge Hércules Breseghello, repórter e um nome muito familiar na minha carreira Continue lendo…

Anúncios

2 comentários sobre “Profissão: Cinegrafista Subaquático

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s